29 maio, 2018

#SU18 | Artigo Oficial/Teaser 6: A Biblioteca de Zathroth

#SU18 | Artigo Oficial/Teaser 6: A Biblioteca de Zathroth

"Um lugar onde a história esquecida e a sabedoria de incontáveis ​​tribos antigas e extintas são preservadas. Um lugar onde os segredos mais escuros e o conhecimento proibido encontraram um lar. Um lugar associado a um deus. Vocês estão prontos?"
Deixe-me contar uma história que aconteceu muito antes do seu tempo. Uma história sobre crueldade, inveja, conflito, medo e ódio. Uma história sobre a antiga fé, conhecimento divino e um lugar muito especial.

Todas essas coisas aconteceram há tantos anos que a memória deste tempo sombrio desapareceu das mentes da maioria dos tibianos e apenas os mais intelectuais ainda se lembram de detalhes desagradáveis ​​sobre a primeira inquisição.

Eu viajei pelo mundo por muitas décadas, procurando por documentos antigos e pelas pessoas que ainda podem se lembrar.


Ao longo de anos de pesquisa, encontrei muitas declarações contraditórias. Não é incomum que, ao longo de todos os séculos que se passaram desde então, muita informação tenha sido perdida e supostos fatos, infelizmente, muitas vezes se revelaram falsos ou nada mais do que contos de velhas senhoras.

No entanto, tudo o que descobri, quero compartilhar com vocês agora. Receio que já tenha ido longe demais, cavado muito fundo.

Com minhas pesquisas e perguntas, eu refiz os passos de pessoas muito perigosas, mas o que eu descobri é inacreditável. Receio que esta carta seja a minha única chance de falar sobre isso, eles vão se certificar disso.

Minha mente está fraca demais para entender completamente minhas descobertas. Eu sinto que a quantidade de informações está fazendo meu cérebro explodir e ainda assim não consigo parar. É como uma droga e já passei do estágio de um simples vício. Agora, este é meu único propósito na vida.

Na melhor das hipóteses, provavelmente vou enlouquecer e morrer uma morte trágica. Na pior das hipóteses, eles descobrirão a minha traição e virão atrás de mim.

Esta carta é para avisá-los, para convertê-los, para proteger suas almas, então escutem atentamente ao que eu tenho a dizer sobre este lugar e a primeira inquisição.

Desde os primeiros purgadores e a incipiente inquisição, bravos homens e mulheres expurgavam os ninhos das trevas de feiticeiros e outros praticantes das artes das trevas. Eles arrastaram os pagãos e blasfemos para a luz e atearam fogo em seus abomináveis ​​livros de conhecimento sacrílego.

As chamas purificadoras incendiaram incontáveis ​​livros abomináveis que foram desenterrados e as noites foram iluminadas pelas chamas purificadoras dos justos.

Todas as ardilosas bruxas, necromantes e amantes de demônios receberam a penitência por seus pecados e seu legado e conhecimento foram erradicados junto com eles - ou assim pareceu. Como aprendi com documentos antigos, parecia que, independentemente de quantas cópias dos livros proibidos foram destruídas, novas cópias ressurgiam mais cedo ou mais tarde.

Isso aconteceu com uma frequência assustadora, como se uma mão invisível estivesse constantemente desfazendo qualquer esforço feito pelos corajosos seguidores do que é verdadeiro e puro. 

De novo e de novo, almas de mente fraca ​​eram atraídas para a escuridão por esses livros proibidos que aparentemente apareciam do nada, às vezes até entre livros conceituados em bibliotecas comuns.

Mais e mais se tornou aparente que deveria haver uma fonte para esse conhecimento possessivo. Um lugar, escondido do olho mortal, que originava esses livros como uma pestilência que expelia sua doença contagiosa. Um lugar que até o longo braço da inquisição não poderia alcançar.

Através de uma meticulosa pesquisa e pedindo favores, eu lentamente descobri um padrão que sugeria uma possibilidade perturbadora: raramente mencionado em textos antigos e apenas vagamente sugerido em contos de fadas sombrios e obscuros, há um lugar cuja existência é oficialmente denunciada pela igreja de Uman.

Em uma zombaria de tudo o que é verdadeiro e sagrado, todos esses livros, proibidos, de dobrar a mente, devoradores de alma, são armazenados e copiados em um único lugar do mais sombrio conhecimento.

É um lugar tão secreto e oculto que apenas poucos escolhidos conhecem: a Biblioteca Secreta de Zathroth.

Eu passei os anos seguintes da minha vida em busca de pistas que me ajudassem a localizar esta biblioteca. No entanto, cada pista que encontrei acabou por ser apenas um pedaço de um quebra-cabeça maior.

Eu viajei para incontáveis ​​locais e áreas e precisei encontrar seis pistas até que finalmente consegui determinar a localização da biblioteca com mais precisão.


O que posso dizer? A biblioteca realmente existe e eu a encontrei! Infelizmente, este é também o lugar onde vou morrer. O conhecimento concentrado que encontrei aqui me atraiu para o seu feitiço. As histórias, relatórios e segredos escritos nos livros aqui excedem em muito a imaginação humana.

Manifestos e ensaios sobre métodos cruéis e experiências tortuosas que nenhuma pessoa normal poderia imaginar podem ser encontrados aqui em todos os cantos. Escritos proibidos de épocas passadas, relatos de testemunhas oculares dos dias e guerras mais sombrias, assim como provas sórdidas de corrupção e suborno em antigas famílias nobres, criam em mim um sentimento de desgosto e, ao mesmo tempo, curiosidade.

Tudo parece tão surreal. As salas, não, na verdade são salões, são enormes e cheios até o topo com conhecimento e sabedoria.

Eu vi lugares tão cheios de conhecimento que esse conhecimento chegou a sair dos livros e se espalhar pelo chão como terra firme.

Poderosas colunas de pedra, mais grossas do que qualquer tronco de árvore, erguem-se nos corredores e suportam o peso do teto.

Há fontes cheias de tinta preta em vez de água em salas cujas paredes são cobertas por pesadas cortinas roxas e estranhos olhos de metal que guardam a área. A biblioteca se estende por vários andares e, embora eu esteja aqui há muito tempo, tenho certeza de que só vi uma fração dela até agora.

À luz bruxuleante das tochas, os roteiros, relatórios de viagem e tomos antigos se alinham, fazendo com que a madeira escura das estantes de livros ceda e rache.

Grossas camadas de poeira provam que apenas poucos estudiosos de Zathroth ainda estão cientes da existência dessa fonte de conhecimento proibido.

Isso não é surpresa, considerando que este lugar foi protegido do mundo exterior por selos poderosos muitos séculos atrás, selos tão poderosos que a biblioteca permaneceu escondida de nossos olhos até hoje.

Não tenho certeza se os servos de Zathroth me aceitaram como recompensa pelos meus anos de busca por este lugar ou se estou sendo usado pelas criaturas que moram aqui. Cada passo que dou está sendo vigiado. Nas paredes, nas lâmpadas, há olhos por toda parte, você nunca está sozinho.

Corredores sem fim conectam as salas de leitura maiores. À esquerda e à direita, muitas vezes há salas menores, mas muitas são seladas por pesadas portas de ferro. Outras portas são vigiadas por livros que latem e mordem. Eles parecem ter se libertado das correntes, que provavelmente deveriam servir para manter essas feras em um determinado lugar.

Durante os éons de existência dessa biblioteca, numerosos estudiosos devem ter prestado excelentes serviços. Bustos e estátuas desses veneráveis ​​eruditos estão espalhados pela biblioteca.


Eu nunca encontrei nenhum deles, no entanto. Os corredores e salões estão cheios de todos os tipos de criaturas mágicas, mas eu nunca encontrei um ser humano aqui.

Ainda me mantenho firme contra o pensamento de que os estudiosos poderiam ter se tornado essas criaturas ao longo dos anos. Que sua ganância por conhecimento e seus inúmeros experimentos com as mais sombrias magias os tenha transformado no que eles mais adoravam.

E se eu tiver o mesmo destino?


Essas penas animadas, por exemplo. Com pelo menos dois metros de altura e dotadas de um cálamo maior e mais forte do que o metal forjado pelos anões de Kazordoon, elas marcam as sólidas placas da base da biblioteca com grossos sulcos cheios de tinta preta. Aquele som ensurdecedor faz meu sangue gelar nas minhas veias.


Eu as vi copiando textos à velocidade da luz, mas geralmente elas agem mais como bibliotecárias, fazendo a conservação dos glifos protetores que mantém esse conhecimento perigoso sob controle. As penas são frequentemente acompanhadas por livros amaldiçoados, dos quais tento manter uma distância segura.

Estes tomos espessos rolam suas páginas a uma velocidade incrível, permitindo que eles flutuem no ar devido à pressão de ar que eles liberam. Eu li que eles eram originalmente apenas prisioneiros nesses salões. Criados por feitiços fracassados ​​de mágos amadores que resolveram experimentar feitiços sombrios, esses livros foram caçados e capturados pelos seguidores de Zathroth com o intento de obter e explorar o conhecimento proibido escrito em suas páginas.


Há lulas com cérebros enormes. Elas compõem um dos mais altos níveis de servidores de Zathroth e sua palavra é lei para muitos outros servos. Seus poderosos tentáculos estão sempre cobertos de tinta, mas eu nunca os vi em ação. Elas não falam com um ser de baixo nível como eu, mas eu estaria incrivelmente interessado nos pensamentos bizarros e anormais que surgem de seus cérebros.


Eu sei que tudo isso pode parecer tentador, especialmente para os heróis tibianos que estão procurando mais um desafio. Mas, novamente, se esta carta conseguir chegar a um tibiano, ela é um aviso. Um aviso para todos ficarem longe deste lugar. Sou um defensor do conhecimento e vejo como meu dever escrever tudo o que descobri, mas, por favor, não venha aqui.

Mesmo se vocês pudessem encontrar uma maneira de quebrar aqueles selos poderosos, as criaturas que guardam esta biblioteca os rasgariam em pedaços. Sua força é incomparável. Eu acredito que ninguém pode competir com elas!

Eu só posso avisá-los do perigo vindo deste lugar. Mesmo que isso contradiga minhas próprias crenças, é melhor que alguns lugares permaneçam escondidos.

Battle Mage

Teaser em Poucas Palavras:
ATENÇÃO! Contém Spoilers!

  • Encontre o caminho para a biblioteca mística de Zathroth. 
  • Enfrente os muitos guardas da biblioteca e explore as enormes salas de leitura e corredores intermináveis. Tenha cuidado, eles são mais poderosos do que qualquer monstro que você tenha entrentado antes. 
  • Prove suas habilidades com até 4 amigos contra 4 bosses poderosos. Um 5º boss então espera aqueles que provaram seu poder (no máximo 10 jogadores por vez). 
  • Todos os bosses podem ser repetidos após 20 horas. 
  • Um novo outfit e uma nova mount poderão ser obtidos na biblioteca.

Imagens Exclusivas para Fansites: 






O que vocês acharam do Artigo Oficial? Comente aqui ou em nosso grupo do facebook!

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Digite o que você deseja pesquisar no Tibia Life e aperte enter! :)